Queridas mães de crianças deficientes

Setembro 17, 2018

Queridas mães de crianças deficientes, já refletiram se a vossa felicidade (ou da família) depende do que outros dizem? Por acaso deixam os outros sentirem por vocês?

Lembram-se do dia em que o vosso bebé nasceu e aquele amor indescritível que sentiram? Voltem a esse momento. Nada mudou, só as vossas expectativas e as da sociedade. Se a sociedade é severa, contrabalancem com a vossa esperança.

Existe vida na deficiência… existe alegria, humor e muito amor. O diagnóstico não define o futuro (desenvolvimento) dos nossos filhos; mas nós sim!

Revelem a vossa autoestima, deixem de se espelhar na condição dos vossos filhos, deixem que eles se espelhem na vossa. Ajudem-nos a descobrir a autoestima, descobrindo a vossa, primeiro.

A chave só nós a temos. Está nas nossas mãos e não deve ser dada a mais ninguém. Ousem pensar diferente. Ousem agir diferente. Ousem sentir diferente.

Assumirmos a responsabilidade pela nossa vida, e o que vamos fazer com ela, abre um leque de possibilidades para nós e para todos aqueles que estão à nossa volta.

Mães de crianças deficientes são mães, mulheres, seres humanos e os seres humanos são capazes de qualquer coisa…Escolham o que querem ser capazes de fazer!

A mãe da Maria (Ana Rebelo)

Também Poderá Gostar

1 Comentário

  • Responder Larissa Faim Fevereiro 1, 2019 em 06:49

    preciso de ajuda contra uma pessoa que esta postando injurias e fotos da minja filha no face! o que eu faco!? alguem me ajude

  • Deixar Comentário

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.