O chinelo!

Agosto 11, 2015

Chegou a hora e aí vamos nós a caminho da praia. Estacionámos e saímos todos do carro a grande velocidade. – Maria, hoje vamos a andar? – Sim! Diz ela com um ar satisfeito. Ok. Entrelaçámos as mãos e aí fomos nós, todas satisfeitas.

Por natureza sou uma pessoa mexida, faço tudo a correr, ando rápido, como rápido, falo rápido, as tarefas são sempre executadas na correria. A Maria tem uma missão muito importante na minha vida, desacelerar-me! Caminhar com ela de mão dada é fantástico, transmite-me uma calma quase divina.

E lá começámos a nossa caminhada. Mas hoje sentia algo diferente, a Maria não estava a andar como é ‘costume’. Sentia-a muito trôpega. Dava um passo e o seguinte parecia que já ía em desequilíbrio. – Oh Maria, hoje estás com preguiça? Vá lá, vamos andar que só te faz bem! Ela sorria e continuava, mas sempre a coxear. Distraída e em conversa com a Matilde e o Tomás nem liguei e fomos continuando em direção à praia. A Maria cada vez andava mais devagar e ía dizendo qualquer coisa que nós, tão atentos a outros assuntos, nem percebíamos.

Com a Maria já quase a parar, olhei de novo para ela e pedi – Vá lá Maria, podemos ir um bocadinho mais rápido? – Ela já com um ar mais sério tentava dizer-me algo que eu não entendia. Lá continuei. De um momento para o outro a Maria deu-me um puxão na mão e eu parei. Levantou o pé e disse zangada – o chinelooo!

Ah! A Maria estava com o chinelo “desencaixado”. O dedo não estava no sítio correto por isso não conseguia andar. Sinceramente não sei como conseguiu chegar até ali, só com muita persistência e uma grande dose de bom feitio. Sentei-a no chão e de imediato começou a tratar de se calçar bem!

Com tudo a postos para continuarmos, deu-me um grande abraço e continuou toda feliz! No resto do caminho só pensava – se fosse eu não aguentava nem um metro. A Maria até me ensina com um simples chinelo!

Pel´A Mãe da Maria

Também Poderá Gostar

3 Comentários

  • Responder Catarina Outubro 21, 2015 em 18:03

    Lindo! Que Graça essa Maria na sua vida 🙂

    • Responder Ana Rebelo Outubro 21, 2015 em 20:31

      Olá Catarina, é mesmo. A Maria é assim…tem graça e inspira ;). Obrigada. Um grande beijinho e até logo

  • Responder Kayra Revez Maio 31, 2016 em 22:46

    Oh mãe, até me fez chorar. Eu vi vocês caminharem, vi ela com a cabeça levantada lhe olhando e dizendo “o chinelo”.

  • Deixar Comentário

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.