Há dias maus?

Outubro 23, 2015

Há dias maus, sim! Aqueles dias em que parece que tudo conspira contra nós. Em que praguejamos, de cinco em cinco minutos, uma frase fantástica, convencidíssimos que nos acalma a alma – “hoje não devia ter saído da cama”.

Eu confesso que tenho alguns dias assim (poucos graças a Deus) e acho que cá por casa todos os têm – excepto a Maria! Lá está ela a quebrar a regra. Muda as estatísticas, é excepção à regra. Se calhar tem algo para nos ensinar, não?

Em mais de quinze anos de convivência, nunca a vi num dia realmente difícil. Ontem à noite dei comigo a pensar, como é que é possível? Já passou por tanta dor, por tanta batalha, tanta barreira, já desafiou tudo e todos – e nem um dia mau?

Será que só tem olhos para aquilo que é bom? Será que ignora todos os pormenores que a possam levar para o lado mau (o da tristeza)? Mas se ela nem conhece o lado mau ? Será que esqueceu a palavra “difícil”?

São muitas perguntas sem resposta. Resta-me continuar a observar e tentar aprender com a Maria esta maravilhosa forma de estar. A Maria é assim, feliz!

A Mãe da Maria (Ana Rebelo)

Também Poderá Gostar

5 Comentários

  • Responder Katia Caroline Outubro 24, 2015 em 00:10

    Oi Ana!
    Meu DEUS
    QUE alegria encontrar um blog assim.
    AMEI!!!
    Sou mae do Luis Ernesto, 9 anos, autista.
    Uma bençao em minha vida.
    Beijos

    • Responder Ana Rebelo Outubro 27, 2015 em 12:30

      Olá Katia, que bom que você gostou. Fica por aí e vai-nos contando novidades suas e do Luis 🙂 Um grande beijo

  • Responder Mena Brandão Outubro 24, 2015 em 17:03

    Olá:-) caiu no meu “”face” o seu blogue…Tb sou “a mãe da Leonor”…atraso de desenvolvimento com 14 anos, mais o Eduardo de 9 anos e mais alguém pra chegar! 🙂 🙂 🙂 adorei esta abordagem! Nada é por acaso! 🙂 🙂 🙂 🙂

    • Responder Ana Rebelo Outubro 27, 2015 em 12:09

      Olá Mena. Pois parece que nada é mesmo por acaso. Muito obrigada por deixar aqui o seu testemunho e vamos falando. Bjs e até já

  • Responder Idalina Lopes Outubro 27, 2015 em 22:20

    Olá, sou também mãe de uma menina com 16 anos é portadora de atraso mental, fala e mais umalgumas problemáticas. Por acaso fiquei a conhecer o seu blogue e adorei.
    Beijinhos

  • Deixar Comentário

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.