6 coisas que os nossos filhos realmente precisam

Novembro 21, 2016

Embora tenhamos muitas preocupações na vida, nenhuma delas deve superar a dedicação e a presença dos pais na vida dos filhos. Aqui ficam as 6 coisas que os nossos filhos realmente precisam e que lhes devemos dar:

1. Tempo

Uma das maiores reclamações dos adolescentes é que os pais não têm tempo, ficam muito tempo no trabalho e quando chegam estão cansados. Uma boa educação requer tempo, não apenas para saber como foi a escola, ou para corrigir TPC´s, mas tempo para estar, ou simplesmente para conversar.

2. Conversas e não sermões

Normalmente quando estamos a conversar com nossos filhos e pela falta de tempo, passamos uma boa parte da dar sermões e não paramos para ouvir o que nossos filhos realmente precisam. As nossas conversas passam a ser um monólogo e não um diálogo.

3. “Gozarem” a infância

Muitas vezes consumimos o tempo dos nossos filhos com tantas atividades extra que eles praticamente não se divertem na sua infância; quando percebemos já passou a idade e eles nem se divertiram como o deveriam ter feito.

4. Muito atividade física, menos tecnologia

A quantidade de crianças sedentárias que se renderam às tecnologias é enorme. Precisamos estabelecer limites no uso das tecnologias.

5. Limites

Limites não fazem mal a ninguém. Muitas vezes, com medo de traumatizar, os pais deixam os filhos fazer tudo. Mas precisamos de impor limites. Infelizmente, se não os impusermos agora, eles não estarão preparados para os limites que o mundo lhes vai impor. A vida acaba sempre por ensinar, mas da pior forma possível.

6. Nunca desistir

Há momentos em que acredito que se pense que desistir é a solução. Alguns dos nossos filhos, por mais que tenhamos ensinado, vão seguir por caminhos tortuosos. Mas a palavra desistir não é aplicável, afinal como pais temos a obrigação de amar os filhos e fazer tudo para que eles encontrem a verdadeira felicidade!

A mãe da Maria (Ana Rebelo)

Também Poderá Gostar

Sem comentários

Deixar Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.